O que você entende por mudar?

Qual impacto que você sente quando precisa ter uma atitude ou tomar uma decisão que foge a seu controle?

A mudança ocorre em diversas áreas da vida e é vista e vivida de forma diferente por cada pessoa. Cada um de nós possui características, personalidades e vivências distintas, que podem impactar na forma de encarar o processo de mudar.

Mudar para sobreviver

Há muito tempo a mudança é discutida. Desde a sua "Teoria da Evolução", Charles Darwin (1809-1882) demonstrou o quanto a capacidade de se adaptar à mudança é importante para nossa sobrevivência.

Mas será que é possível aprimorarmos nossa capacidade de mudar?

Sim, é possível:

  1. Comece com maior atenção e questionamento a si mesmo sobre a melhor forma de se posicionar perante a nova realidade.
  2. Em especial, quando não for possível mudar o fato, escute com atenção e aceite opiniões das demais partes envolvidas: são elas que vão trazer novos elementos e quem sabe uma forma melhor de executar todo o processo.
  3. Aceite o que a mudança lhe propõe: seus desafios farão parte de seu crescimento e amadurecimento.
  4. E, por fim, pense a frente: qual o impacto futuro que essa mudança irá gerar?

São muitas as oportunidades que só se tornarão realidade se você mudar: da carreira ao bem-estar e cuidados com a saúde, a realização de um sonho ou de uma viagem, e muito mais.

O mundo não é estático, ele muda a cada segundo, então você deve seguir e perceber que também está sujetio à mudanças: o ser de agora não é o mesmo de poucos segundos atrás.

Nos últimos anos passamos a ter uma rede de oportunidades de mudar em todas as áreas da vida. Quais você já foi capaz de se envolver e se permitir ao menos conhecer? Você já deu uma chance de, ao menos, refletir sobre algumas possibilidades?

Vida em mudança

No meu caso, mudar não foi fácil, e ninguém nunca disse que seria, mas foram anos de busca da espiritualidade à carreira, chegando nos relacionamentos interpessoais.

Eu permiti que as descobertas chegassem, experimentei o seu desconforto, busquei a aceitação do que fazia parte do processo, e, o mais importante, eu decidi mudar, pois isso fez sentido para mim.

Mudei a forma de me exercitar, mudei a forma de falar, de me ver, de sentir, mudei minha vida profissional e pessoal. Claro que você não precisa mudar tudo isso, e se for, não faça de uma só vez: eu demorei 9 anos e ainda não completei meu processo de mudança.

O que fazer para que a mudança também faça parte da sua vida?

Para você ter uma ideia, estudos apontam que muitas profissões que existirão em 2030 ainda não foram criadas: o que você vai fazer para se readequar ou apoiar seus filhos diante de tanta mudança? E esse é só um exemplo, é só uma área da vida.

O processo de mudança requer autoconhecimento e auto respeito. Para isso, é importante você se perceber. Se você notar que em qualquer área da sua vida a mudança é impedida por um impulso, um sentimento de negação de uma experiência que se lembre ou não, atenção: procurar ajuda especializada de um terapeuta pode ser a ajuda que você precisa para o entendimento de si mesmo e, daí sim, partir para a ação.

Para que sofrer toda uma vida por uma mudança, desejada ou não, se ela pode transcorrer de forma natural logo após entender por que o seu corpo e  a sua mente reagem negativamente diante da possibilidade dessa conquista?

Por outro lado, você pode apenas ser do tipo que procrastina. Palavra difícil para dizer que rola aquela famosa preguicinha, e dá-lhe desculpas para justificar essa falta de comprometimento consigo mesmo. Nesse caso, você pode optar por outro tipo de auxílio. O autoconhecimento, que irá ajudar a se perceber melhor e impulsionar a mudança do seu comportamento em busca da realização de uma meta, faz sentido no processo de coaching.

Você já conhece essa metodologia?

E há várias outras opções que você é capaz de criar. A mudança é sua e qualquer coisa que interfira nesse processo deve vir de você.

Então, pense, reflita: a mudança faz parte da sua vida, do mundo.

Aceitar e fazer com que esse processo seja positivo e faça sentido para você é essencial!